That Girl: À conversa com: Miguel Gouveia

segunda-feira, novembro 28

À conversa com: Miguel Gouveia



Mais uma entrevista! Desta vez, com Miguel Gouveia. Para quem não conhece, Miguel é autor do blog Pieces of Me (aqui). Tal como referi na última entrevista com a Cátia, esta teve que ser outra entrevista por e-mail.
O Miguel é uma pessoa super prestável, simpática e sempre pronto a ajudar! Ele tem 24 anos e tem o mestrado em Comunicação e Marketing!
No blog, Miguel traz-nos um pouco sobre beleza, moda e dicas para um melhor estilo de vida! É um blogger recheado de coisas boas que nós gostamos imenso! Vamos lá, agora, à entrevista?


Melanie: Porquê o nome Pieces Of Me?
Miguel: Pieces of Me, traduzido para Português, significa "Pedaços de Mim" e são esses pedaços de mim que vou deixando pelo blog! Quis que o nome fizesse sentido e fosse algo simbólico. 

Melanie: O que te levou a criar um blog?
Miguel: Sempre gostei imenso da área da moda, da beleza, do lifestyle e, aliando o meu gosto pela escrita, sempre sonhei em ter o meu próprio mundo. Onde me pudesse inspirar e onde pudesse inspirar quem me lê. Seria uma forma de conseguir mostrar aquilo que eu sou mediante a opinião e as publicações que faço. Em suma, o que me levou a criar o Pieces Of Me foi mesmo o facto de não admitir estar parado, a sede de escrever e o gosto pelas diversas áreas que abordo. 

Melanie: Já não publicas no youtube há um ano. Há alguma razão por teres deixado de fazer vídeos?
Miguel: A única razão é mesmo a falta de tempo e a falta de jeito para a edição porque o feedback que recebi na altura foi indescritível!

M:Arrependes-te de algum vídeo/publicação tua?
M: Não, de todo. Aliás, eu nunca me arrependo de nada do que faço, quer na vida pessoal, profissional ou no blog. 

M: Tens perto de 2000 seguidores no blog, como lidas com a fama? 
M: Há sempre uma certa ambiguidade quando se fala de "fama". Ter fama é ser reconhecido pelo que se faz se, de facto, se faz bem. Assim sendo, vejo o aumento de seguidores/leitores como um foco, uma inspiração e algo que me faz crer continuar. Acredito, piamente, que se me seguem é porque se identificam com a minha escrita, com os temas que abordo e só posso estar grato por isso. Mais do que meros seguidores, eu encaro-os como uma segunda família. Pode parecer clichê mas são eles que me dão a maior força, a maior vontade de continuar e de fazer melhor. Não posso, no entanto, esquecer que foram esses quase 2000 seguidores que me ajudaram numa das minhas piores fazes da vida. 

M: Pelo que percebo, muita gente te adora. Mas já lidaste com algum hate? Como lidaste com isso?
M: Claro que sim! O início do blog foi muito complicado. Muito pouca gente aceitava que um Homem se pudesse integrar neste mundo de forma tão clara e evidente como eu fazia e ainda faço. Recebi mensagens e telefonemas anónimos a maltratarem-me, a ameaçarem-me, a dizerem que eu não iria chegar a lado nenhum, que não tinha jeito para o que fazia. Mas sempre lidei bem com isso. Estou em crer que foi isso que me deu mais vontade de continuar quanto mais não fosse para espicaçar essas mentalidades tão pequenas. Hoje em dia isso já não acontece, felizmente.  

M: Já alguém te reconheceu na rua? O que fizeram?
M: Sim, já! Aqui em Lamego, onde vivo, é normal as pessoas me conhecerem porque sempre vivi aqui. Algumas pessoas pedem para tira fotografias, outras pedem opiniões de produtos que uso ou alguns conselhos. No entanto, o auge do reconhecimento aconteceu em Lisboa, quando fui ao Rock In Rio. Numa das minhas idas a um shopping, fui reconhecido em plena Sephora. Uma das meninas que me atendeu reconheceu-me e não poderia ter ficado mais lisonjeado. Fiquei praticamente sem saber o que dizer por o meu coração ter ficado tão cheio. Agradeço tanto isso!

M: O que te faz feliz?
M: Sem dúvida a minha família. Poderia dizer tudo e mais alguma coisa  mas eles são o meu maior suporte. Ajudam-me imenso e dão-me a maior força no que toca ao blog. São os primeiros a dizer "vai e faz!". 

M: Pretendes fazer do blog a tua carreira?
M: Pretendo, embora em Portugal seja muito complicado. Ainda assim, o meu foco diário é sempre o de fazer mais e melhor de modo a conseguir alcançar mais e mais objetivos. Sou muito exigente e faço desse exigência uma maneira de estar quando estou a trabalhar (sim, porque é trabalho árduo) no blog!

M: Quais são os teus sonhos?
M: Tenho muitos.... Sou uma pessoa em constante sonho. Contudo, em termos profissionais, sonho em fazer doutoramento, sonho em continuar com o blog e sonho em fazer o curso de styling e consultor de imagem com o Pedro Crispim. 

M: Não vives sem...?
M: Se for em termos pessoais, não vivo sem estar perto da minha família. Se for em termos materiais, não vivo sem computador, já que é lá que toda a minha criatividade se emana. 

M: Como é a tua casa de sonho?
M: A minha casa de sonho tem de ser muito clean, com duas assoalhadas e um closet só meu. Uma cozinha rústica e um jardim. Decoração moderna e com muita entrada de luz. O meu quarto num estilo escandinavo.

M: Se tivesses uma conta no banco com saldo infinito o que farias com o dinheiro?
M: Não sei!! (risos). Esta é daquelas perguntas que dava um sem-fim de respostas. Mas bom, como o meu sonho é um dia lançar uma marca, talvez apostasse algum dinheiro nesse sentido. Ajudava, ainda, pessoas em meu redor que estivessem a necessitar. Viajava muito e ia às compras a Nova Iorque. Comprava logo uma shopper Louis Vuitton. 

M: O que fazes assim que acordas?
M: Passo os olhos pelas redes sociais, pelo e-mail, e sigo para o escritório responder aos comentários para poder colocar online uma nova publicação!

M: Vives para as redes sociais?
M: Não. Felizmente essa fase já passou. Obviamente que, sendo blogger e trabalhando com e para algumas marcas, tento sempre estar com as minhas redes sociais atualizadas. Todavia, já não me massacro nem me sacrifico para ter um numero X ou Y de seguidores ou likes. As pessoas são livres e, se de alguma forma me seguem ou acompanham, é porque se identificam. Não gosto de ter ninguém ao meu lado e a seguir o meu trabalho "só porque sim". 

M: Se pudesses mudar o passado que interferisse no teu futuro, o que mudarias?
M: Sinceramente?! Nada! O passado faz bem a qualquer pessoa. É extremamente útil no nosso futuro na medida em que nos faz olhar para trás e perceber que isto e aquilo não deve ser feito e que a pessoa X ou Y não deve lá estar. 

M: Arrependeste de alguma coisa que fizeste?
M: Não. Tal como referi, não me arrependo de nada do que faço. Na altura posso ficar de pé atrás, triste e a remoer porque fiz determinada coisa de forma errada mas tiro sempre o lado positivo disso. É tudo uma questão de perspetiva. 

M: Que cuidados tens com a tua saúde?
M: Muitos!! Quando, há um ano, me foi diagnosticada Anorexia Nervosa, comecei a olhar mais para mim de forma interior. Percebi melhor o meu corpo e o meu estado de saúde. Desde então que vivo de forma mais cuidadosa, sem dúvida!

M: Que mensagem gostarias de deixar às tuas leitoras/visualizadores?
M: Quero, sobretudo, deixar uma mensagem de agradecimento profundo. Sem vocês nada disto que tenho vindo a construir convosco seria possível. Tem sido uma viagem incrível e creio que será ainda maior se, juntos, continuarmos a lutar. Peço, ainda, que nunca desistam de lutar por aquilo em que acreditam e que, acima de tudo, façam como eu: sejam persistentes e não baixem os braços. A vida é feita de lutas e das lutas surgem as vitórias. Para vencer é preciso sofrer. E sofrer significa viver. Neste sentido, vivamos com tudo o que temos e da forma mais positiva que conseguirmos. Nada cai do céu!

M: O que diz o teu coração?
M: Diz que estou tranquilo, sereno e que percorro o caminho certo mesmo que, muitas vezes, seja de forma sinuosa!


O que têm a dizer do Miguel?

16 comentários:

  1. Gostei da muito da entrevista! Não conhecia o Miguel mas parece ser uma excelente pessoa :)
    Beijinhos <3

    www.losingmamind.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Adorei a entrevista! O Miguel é extraordinário e merece o melhor *.*

    r: Muito, muito obrigada

    ResponderEliminar
  3. Gostei muito de ler, assim como gosto muito do blog do Miguel :)

    ResponderEliminar
  4. Gostei muito de ler um pouco mais sobrenome Miguel :)

    ResponderEliminar
  5. Adoro imenso o blogue do Miguel! Já o sigo desde que criei o meu e é ótimo vê-lo crescer e a seguir um caminho tão bom :)
    Kiss, Mariana Dezolt
    Messy Hair, Don’t Care

    ResponderEliminar
  6. Já sigo o Miguel há algum tempo e tenho adorado o trabalho dele.
    Um beijinho*
    BLOG | FACEBOOK | INSTAGRAM

    ResponderEliminar
  7. Boa, assim fico contente por ter dado a conhecer uma coisa nova :P

    OH, sem palavras! Obrigado, obrigado e mil vezes obrigado! Foi um gosto dar-te esta pequena entrevista e , espero, um dia que possa ser presencialmente :)

    NEW TIPS POST | All you need to Know about: CAPPILARY SCHEDULE.
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  8. Ele é um fofo!!! E caramba! Anorexia nervosa '-' Estou louca pra ler o blog dele!
    Muito boa a entrevista ^-^
    Beijos ❤
    JP

    ResponderEliminar
  9. adorei a entrevista, sou fã do miguel tanto pelo blog como pela pessoa que ele é
    beijinhos e otimo trabalho ^^

    http://umacolherdearroz.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Gosto muito do blog do Miguel, é inevitável não o visitar de vez em quando!

    beijinho,
    priceless-ambition.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. Adoro o blogger Miguel e o Miguel como pessoa! E adorei esta entrevista! :)

    xoxo
    theownerofsushi.blogspot.pt
    Participa no giveaway do blog!

    ResponderEliminar
  12. Adorei, ficou fantástica a entrevista.
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Eu adoro o Miguel, e o blog dele é um dos meus favoritos <3
    Beijinhos,
    An Aesthetic Alien | Instagram | Facebook

    ResponderEliminar
  14. Gosto bastante dele e do blog ;)
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelo teu comentário! É muito importante!