That Girl: Para a minha melhor amiga!

quarta-feira, junho 15

Para a minha melhor amiga!


Hoje a publicação é dedicada a ti, melhor amiga! A ti por me teres aturado durante três anos. A ti por continuares comigo, apesar do meu feitio, apesar das nossas zangas. A ti por seres como uma irmã para mim, só não o és de sangue!



Como o tempo passa. Ainda parece que foi ontem que veio para a minha turma "uma Francisca que se transferiu de ciências". Até parece que foi ontem que te vi a entrar dentro da porta da sala. Notei que eras um pouco insegura e que não tinhas confiança em ti mesma. Os teus gestos, as tuas palavras, aquilo que dizias e não dizias... Lembro-me das tuas bochechinhas redondas e bolachudas a entrar pela sala. Nos primeiros dias parecias uma santa que não partia um prato. Entretanto fomos interagindo, percebendo que gostávamos das mesmas coisas, que partilhávamos as mesmas opiniões em muita coisa e a amizade foi crescendo. E já passaram três anos. Três anos desde que te vi a entrar pela porta da sala e, a partir daí, nunca mais nos largamos.
Durante estes três anos aprendi muita coisa contigo. Aprendi a lidar com alguém que não tem um feitio nada, mas mesmo nada fácil. Aprendi a lidar com alguém que precisa de muita atenção. Tu eras aquele alguém, no meu círculo de amigos, que faltava. Eras aquele alguém que dava vida às coisas por onde passavas.
É verdade que nem tudo foi um mar de rosas. Ainda nos chateamos algumas vezes, uma delas foi bem a sério, e tudo por causa de um rapaz. Mas isso fez-me perceber que não há rapaz nenhum que mereça que duas melhores amigas se zanguem por ele. É verdade que ainda nos zangamos e ainda discutimos várias vezes. É verdade que nos afastamos. Mas quando a amizade é forte, suportamos tudo não é verdade? E eu sei que tu não vives sem mim!
A partir de agora tudo vai ser diferente! Tu vais para uma faculdade e eu para outra. Vamos seguir destinos diferentes, vamos seguir rumos diferentes mas, se depender de mim, nada vai mudar. Vou-te ligar todos os dias, mesmo que não tenha nada para te contar. Vou-te ligar todos os dias a perguntar como foi o teu dia e como estás. A perguntar como foram as praxes. Vou-te ligar para saber tudo. E, um dia, ainda voltaremos a fazer muitas atividades e viveremos muitas aventuras juntas! Já sabes que eu vou ser a madrinha do teu casamento e do teu primeiro filho. Sabes aquilo que vales e o quanto a tua amizade vale.
A amizade é das coisas que nos traz mais felicidade na vida e tu trouxeste-me muita felicidade. Mudaste-me em muita coisa. Trouxeste o meu verdadeiro "eu" ao de cima. Deste-me na cabeça, mas mesmo assim não desististe de mim nem do meu feito, tal como eu não desisti de ti nem do teu feitio!
Quero que venham cada vez mais anos e que esses anos os passe contigo! Não quero perder a tua amizade!
Sabes bem aquilo que vales macaca! E, agora, para acabar em bem, fiz um vídeo com fotos e vídeos nossos. Não me mates com aquelas fotografias porque sabes que depois não vives sem mim! E eu também estou lá a fazer figuras que vão estragar a minha reputação mas ambas sabemos como somos quando estamos juntas e estas fotos e vídeos demonstram isso.
No final de leres o texto clica aqui e irás diretamente para o vídeo!

Nunca me deixes, melhor amiga! 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelo teu comentário! É muito importante!