That Girl: Carta ao meu antigo eu!

quarta-feira, fevereiro 3

Carta ao meu antigo eu!



Querida Melanie do passado,
Como está tudo aí no passado? Hoje acordei com uma vontade enorme de te escrever um carta. Uma carta a contar-te tudo o que eu aprendi e que fiz de errado.
Agora vives no mundo do violino, o mundo que pensas que vai durar para sempre e que nunca te vais cansar dele, mas sabes? Esse mundo vai acabar muito rápido. Tudo o que pensavas que sabias, vais perceber que afinal não sabes assim tanto. Tudo o que pensavas que tinhas aprendido não te vai servir de muito, no futuro. Vais deixar o violino, as aulas de teatro e cada vez mais vais ter mais vontade de cair, de novo, no abismo, mas sabes? No fundo do abismo é escuro, mas se olhares para cima vais conseguir ver aquela pequena luzinha ao fundo do túnel e vais perceber que nem tudo é mau e que vais conseguir recuperar tudo aquilo que tinhas conseguido, mas, não recuperes tudo. Deixa algumas coisas de lado, algumas pessoas de lado. Essas pessoas que pensas que te vão acompanhar para sempre, amanhã já não está lá. E sim, refiro-me à tua amiga mais próxima. Nada do que sonhas para o teu futuro vai acontecer, vais tomar decisões diferentes porque a vida assim te obriga, mas não tenhas medo de enfrentar essas decisões. Novos desafios virão. Desafios esses que vais sempre conseguir ultrapassar.
Vais-te apaixonar, mesmo muito a sério, por duas pessoas. Essas duas pessoas vão-te virar a vida do avesso. Se eu soubesse o que sei hoje, provavelmente não fazia muitas das coisas, não caias nas mãos dessas duas pessoas, porque apesar de, por um lado, terem feito bem, por outro lado, magoaram bastante. Quando achares tudo demasiado perfeito, desconfia. A perfeição às vezes não é tudo aquilo que temos de procurar. Procura quem te ama realmente e quer o teu bem e só o teu bem.
Não desistas do que fazes só porque as pessoas não compreendem o que tu fazes. Não desistas do que fazes só porque as pessoas gozam contigo. As pessoas comentam aquilo que querem e não podem ter e criticam aquilo que não conseguem ser. Mostra sempre superioridade acima de tudo porque tu és superior a todas essas pessoas, a todos esses comentários. Não desistas das coisas, olha onde conseguiste chegar no futuro.
Um conselho daqui do futuro, quando te convidarem para ires ao cinema, vai. Quando te convidarem a passar uns dias na praia, vai. Essa pessoa que te convidou quer mesmo passar tempo contigo e eu disse que não, mas agora arrependo-me. Tudo podia ser diferente, por isso, sai. Diverte-te. Conhece pessoas. Faz com que a tua vida valha a pena e não tenhas medo dos comentários. Tu sabes aquilo que sentes e aquilo que queres. Não deixes fugir aquelas pessoas que se preocupam contigo, que te conhecem, que só de olharem para ti sabem que não estás bem.
Dá valor a quem te dá valor e despreza quem te despreza.
Não tenhas medo de ser quem és. Tu és tu. És diferente à tua maneira. Não queiras ser igual a todas as outras pessoas porque o igual também é secante.
Ouve os meus conselhos, não cometas os mesmos erros que eu.
Fica bem,

Da Melanie do Futuro

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelo teu comentário! É muito importante!