That Girl: T.S- Eu tenho um príncipe, eles existem, sim...

sexta-feira, setembro 25

T.S- Eu tenho um príncipe, eles existem, sim...



O meu príncipe não veio ter comigo num cavalo branco nem me trouxe um sapatinho de cristal nem me acordou de um sono profundo. O meu príncipe não lutou contra um dragão, não subiu à torre mais alta nem matou um bruxa má. Mas o meu príncipe fez-me sorrir quando todos me faziam chorar, aguentou todos os meus dramas, as minhas desilusões, lutou por mim, esperou por mim. 
O meu príncipe não tem o cabelo todo muito bem penteado, não tem a roupa toda muito bem passadinha a ferro nem tem sapatos brilhantes. Mas ele tem o sorriso mais encantador do mundo, o olhar mais verdadeiro, o perfume mais excitante deste mundo. O meu príncipe não tem escudo nem espada mas tem um abraço acolhedor. Um abraço onde me sinto protegida, onde me sinto bem. Ele é forte o suficiente para me fazer sentir bem e protegida nos braços dele e sim eu estou segura quando estou com ele. Ele tem o poder de fazer com que todos os meus problemas desapareçam quando ele está por perto. Faz com que nada à volta exista. Ele faz-me voar, flutuar, como se dançássemos valsa no céu. 
O meu príncipe faz-me rir com o seu jeito brincalhão, a maneira com que ele encara a vida. Ele conhece-me quando estamos junto das pessoas e quando não estamos. Ele conhece-me mais do que eu me conheço a mim mesma. 
Quando estamos afastados, algo dentro de mim grita por ele. Pelo seu cheiro, pelos seus braços, pela sua voz, pelas suas palavras. Por vezes penso que não tenho mais controlo sobre mim mesma. Só de ouvir o nome dele ou a voz dele... Ou só de falar de amor, os meus lábios curvam formando um sorriso. O sorriso mais idiota que alguém possa ter. O sorriso apaixonado. Mesmo sem motivo algum eu sorrio, ou se calhar tenho um motivo, ele, o meu príncipe! 
Quando ele fala? Tudo desaparece. Toda a gente se cala. Todo o mundo fica em silêncio. Só o meu mundo fala, porque ele é o meu mundo, um mundo ou estamos nós os dois e a nossa respiração. Lembro-me do primeiro beijo. Calmo, cheio de paixão, especial. Tudo à nossa volta se calou. E bastou esse beijo, esse único beijo para que eu ficasse a querer mais e mais, sempre que visse os seus lábios a mexerem. 
Ele abraça-me com força, conforta-me, protege-me, dá-me segurança, dá-me amor e carinho mas acima de tudo uma amizade especial. Ele dá-me tudo o que eu preciso. Eu tento fazer o mesmo, protegê-lo. Protegê-lo do que o rodeia, protegê-lo, às vezes, de mim mesma. 
Adoro a cara séria quando eu digo algo que o preocupa. O meu príncipe não gosta de ler mas adora ver um bom filme. Ele sabe os meus medos, os meus segredos, ele conhece os meus defeitos e mesmo assim não desistiu de mim, como toda a gente desistiu. O nosso percurso até aqui nem sempre foi fácil. Houve zangas, afastamo-nos, houve pessoas pelo meio mas, no final, reencontramo-nos e tudo isso tornou-nos mais fortes. Ele conhece cada detalhe meu, ama-me todos os dias. 
O meu príncipe não vive num castelo, não tem nenhum cavalo branco nem uma espada. Não saiu de nenhum conto de fadas mas ele é o meu príncipe e juntos escreveremos o nosso conto de fadas e construiremos o nosso próprio castelo. 
Ele é o meu príncipe e eu a sua princesa!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelo teu comentário! É muito importante!